Últimos assuntos
» Redução de salários em 2010
Seg Jun 06, 2016 4:40 pm por WiseMax

» Sorteio de voos para a Alemanha e iPad 2
Sab Jun 07, 2014 3:44 pm por vaniasvieira

» Coworking S.João da Madeira
Seg Nov 18, 2013 11:19 am por MClara

» O Worten Ultimate Challenge está de volta!
Seg Nov 04, 2013 6:00 pm por PTGAMERLAN

» Clube Macinhatense
Seg Nov 04, 2013 4:34 pm por MClara

» CONCERTOS DE ORGÃO
Qui Out 24, 2013 11:46 pm por MClara

» Associação Bairrada Solidária
Seg Out 14, 2013 2:28 am por MClara

» Vamos ajudar a Mónica
Sex Out 11, 2013 11:26 am por MClara

» Gina Marrinhas em Águeda
Seg Set 30, 2013 10:24 pm por MClara

» Luís Miguel Ferreira
Qua Set 25, 2013 11:05 pm por MClara

» Associacao Bairrada Solidaria - Aniversário
Qua Set 25, 2013 11:01 pm por MClara

» Convivio do Rio Vouga - Clube Macinhatense
Seg Jun 24, 2013 1:10 pm por MClara

» Candidato á presidência da câmara de SJM
Ter Jun 18, 2013 1:09 pm por Reporter On Line

» Feira da Vinha e do Vinho 2013
Seg Jun 17, 2013 10:50 pm por Isabelita

» 17º encontro de Povos da Serra da Lousâ
Seg Jun 17, 2013 10:04 pm por MClara

» MEO XLPARTY@Expocentro - Pombal
Seg Jun 17, 2013 2:27 pm por PTGAMERLAN

» Worten Ultimate Challenge PES 2013 - GT5
Seg Jun 17, 2013 2:26 pm por PTGAMERLAN

» Gerir vida financeira
Dom Jun 09, 2013 2:32 pm por skurtis

» Bichos, Bichinhos e Bicharocos - Althum
Qui Maio 30, 2013 9:24 am por MClara

» Miguel Braga " Like a Tree"
Qua Maio 29, 2013 7:21 am por MClara

» Mealhada
Seg Maio 27, 2013 6:56 pm por MClara

» Castanheira de Pera
Dom Maio 26, 2013 11:10 am por MClara

» Entr'artes/2013
Dom Maio 19, 2013 11:01 pm por MClara

» Trocas e Baldrocas
Sex Maio 17, 2013 3:57 pm por MClara

» DIVERSÃO NOS ESPAÇOS PLAY ZON - Torneio FIFA 13
Sex Maio 03, 2013 3:49 pm por PTGAMERLAN

Conectar-se

Esqueci minha senha

Facebook
Forum Generalista Português

Forum Generalista Português

ON- LINE

contador de visitas
O Tempo não pára!
Volte sempre
contador de visitas
Visitantes
tema
PT
Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada


Portugal, tem tantas cores.

Ir em baixo

default Portugal, tem tantas cores.

Mensagem por Filipe Martins em Sex Set 14, 2012 10:19 pm

O azul do Cèu e do mar. O Sol, que parece querer visitar-te em cada dia. MAS UM NAO PODE PENSAR PERTENCER A UM GRANDE POVO, E DEPOIS, NAO O SENTIR. Hà um Portugal novo para construir e viver e que està à espera por cada um de nòs. Todos somos importantes. Podemos ser.

O verde e o vermelho. O Amarelo dos campos no Alentejo, que nao estao cultivados. Onde podemos sentir tanta sede e fome de tudo.

Esta vez pude ver tudo de uma outra perspectiva. Tantos emigrantes que partiram para poder regressar às suas realidades, e que agora jà estao a viver, em outros paises. Os senti partir, e desejei abraçà-los. Nenhum deles vai encontrar uma estrada fàcil. Vao ter de lutar e vao encontrar-se sòzinhos. Vao precisar de ser constantes e perseverantes, precisam de ser fortes e determinados. Eu e a minha familia ficàmos cà. Estou pronto a lutar. Quero uma Nova Terra e um Novo Mundo, mas nao fui para a Amèrica. Depois de ter estado tantos anos fora de Portugal, em tantas situaçoes diferentes, è aqui em Portugal, que vou ficar, porque esta è a terra dos meus antepassados e que me pertence, porque lhe quero tanto bem.

Todos que esperam, como um milagre, de um Portugal melhor que talvez possa cair do Cèu, e de um momento para o outro todos nos começarmos a beijar e a abraçar. E ver acabarem os problemas. Mas como tal serà possivel se nao somos capazes de desejarmo-nos um pouco de bem?! Onde cada um està desejando a sua “salvaçao” . E continuamos a esperar atè talvez um dia, que a morte se lembre de cada um de nòs. Isto nao è grande coisa. O valor de um homem, sò pode estar no seu coraçao.

Sò a Vida pode multiplicar a Vida. A morte nunca vai poder multiplicar a vida, porque nao tem as mesmas cores. Nao è suficiente no Norte, umas tripas e umas papas de sarrabulho, de uns vinhos generosos, que toquem o teu coraçao e a alma. O interior tambèm è teu. Nao podes passar pelo Alentejo e ver um rapaz qualquer ali sentado em uma rua de Aviz, que contempla a natureza, procurando ver o seu futuro, sem o sentires, porque aquele ali podia ser um teu filho. Devemos aumentar os nossos horizontes. Que futuro estamos a querer construir?. Nao podemos continuar a ser individualistas, cada um procurar continuar a salvar-se a seu modo, com os seus tempos. Ou serà que se espera que alguèm possa construir para cada um de vòs, um Portugal, melhor e mais pròspero. Serà que estavam todos à minha espera? Possas peço desculpas , porque nao tinha pensado. Este è um tempo extraordinàrio, porra, precisamos de lutar. A crise è o resultado de tantos erros em tantos anos, Os nossos modelos de referimento sao todos errados. Um homem inteligente nao pode cuidar apenas a parte material e ignorar o espirito, porque nao tem uma visao madura da Vida. Onde està o valor da Palavra e a Honra. O caràcter. Os valores materiais nao podem comprar tudo. Hà valores que sao nossos ou entao nos passam muito longe. Completamente errado puxar as brasas à nossa sardinha, porque nao è uma visao de Futuro. Devemos preocupar-nos com tantas brasas para tantas sardinhas. Que os outros tambèm possam estar bem. Porque o Reino dos Cèus nao pode ser um mundo de indiferença e de pouca sensibilidade. E devemos eliminar do nosso vocabulàrio o muito complicado. Nao hà nada que um espirito determinado deseje, que nao possa alcançar. E’ suficiente uma grande motivaçao.

Està um Portugal da conquistar com tanto Amor, Por todos nòs que lhe desejamos tanto bem. Lisboa e o Porto. Tambèm, Alvarenga e Samora Correia. A mim nao interessam os politicos que là estao. Eu devo realizar a minha vitòria, e nao vou esperar pelos resultados, que os outros possam obter. Serà que esperamos por um salvador? Que atè talvez, Salazar ressuscite dos mortos? Ou de um homem Santo? Esperamos por Viriato ou por Afonso Henriques? Ou esperamos pelo Messias?. A Morte nos surpreende sempre, como um ladrao durante a noite.

Contando os desempregados, os que estao cheios de problemas, os que nao se sentem de lutar e aqueles desinteressados, ficamos apenas nòs os dois :eu e tu. Levanta a tua bandeira nao por uma equipa de futebol, mas porque estàs vivo, que nao aceitas a derrota. Nao podemos mais sentir, sermos os mais pobres na Europa. Temos um destino comum, nao somos estranhos, podemos provar a querermos um pouco melhor. Quando cairmos devemos levantarmo-nos ainda mais fortes. Insistir e ter um espirito de luta. Nenhum esforço è demasiado para lutar pela vitòria.

Santarèm diz que è terra de liberdade. Eu quero de verdade ser um Homem livre. Livre na verdade!!! Mas um escravo serà sempre um homem escravo e um prisioneiro serà sempre um prisioneiro, atè que conquiste a Liberdade. Mas nunca iremos poder encontrar a verdadeira justiça se primeiro nòs nao formos justos. Nunca vamos poder encontrar o verdadeiro valor da vida, sem renascermos. Um encontra o valor da Vida ,quando ultrapassa a Morte.

Professores a mais, alunos a menos, uma economia que nao vai, tantos problemas que nos fazem afogar. A culpa està quase sempre nos outros que sao pouco sensiveis, muito exteriores. Gente da minha terra com pouco valor. Uma ideia de espiritualidade velha, de uma falsa humildade. Para onde vamos? Onde desejamos ir?. Cada um deve construir o Reino dos Cèus na sua Vida e depois multiplicà-lo. Ou nao se compreende isto, ficaremos entao à espera, que a morte chegue e que nos possa abraçar. Temos os mesmos antepassados, e os nossos filhos vao ficar a viver neste mesmo pedaço de terra. Cada povo tem a sua cultura e os seus costumes, tem o seu valor e faz o seu percurso, mas com os Suiços nao teriamos todos estes fogos! Portugal è de cada um de vòs, e devem lutar por aquilo que vos pertençe. Nao podemos ser ignorantes de pensarmos que Portugal pertença a Cavaco Silva, ou a Passos Coelho ou de um outro prometente qualquer, porque no Passado tantos lutaram por nòs e hoje chegou o tempo de nòs lutarmos pela Vida. De olharmos o Futuro e de participar na Història. Portugal è de cada um de vòs tambèm. Pertence-vos. Escolas e maternidades que fecham. Onde vai a cultura da Vida?. Professores que se arrependem da profissao que escolheram. Porra, os universitàrios estao là todos na AR. Serà que temos tantos teòricos, tantos pensadores e poucos determinados a estar na linha da frente. Sao os mais fortes que devem estar na frente, nao os mais fracos. Os tomates, quando estao maduros apresentam-se encarnados. E sabemos quando vai fazer um bom dia, simplesmente olhando o cèu. O tempo das vindimas. Nao vai mudar nada se continuarmos a ser as mesmas pessoas. Portugal està pobre porque nos tornàmos pobres de verdade. Uma classe politica vazia mais preocupada de parecer do que parecer. Vaidosos do què?. Onde as pessoas falam de ideias e conceitos onde na sua vida concreta, deixam tanto por esperar e a desejar. Desculpem, o meu desabafo. Onde um povo se desinteressa por lutar. Porra, um santo perde a paciencia. Cresci em Xabregas. Desejava ser elegante mas sou sempre um mal educado. Quero dizer o que vai no meu coraçao.

Chegou o tempo de uma revoluçao no nosso coraçao. Penso sempre que um homem sem Amor no seu coraçao possa valer dois tostoes, mas nao mais.

Nao podemos procurar encontrar o valor de uma pessoa, apenas na sua riqueza exterior. Hà aqueles que podem ser bons jogadores mas o seu valor, està ali. Ou o facto de ser um bom treinador. Ou o de ser um bom professor. Mas que pensarà ele da Vida. Serà que tem ideais? Que interesses? Que è capaz de sacrificar pela VIDA!!!

Por tràs de um homem mal vestido pode estar um coraçao quente, com tanto AMOR!

Um dia no Futuro serà tudo muito diferente. Portugal vai querer pertencer a quem lhe quer mais bem. Nao tem nada a ver com os modelos de hoje. O AMOR serà o mais importante! Cada um de nòs pode dar nova vida a Portugal. E sempre que respirarmos, que Portugal està vivo, com cada um de nòs. Nao quero sentir vergonha por ser portugues. Quero restaurar os erros de todos os meus antepassados!!! Quero um Portugal livre.

As pàginas mais belas da nossa història estao ainda para ser escritas por mim e por ti. Podemos mudar Portugal e dar-lhe Vida! Devemos escolher entre a morte e a vida.

Apenas a Vida pode multiplicar a Vida. Obrigado.

Luis Filipe de Figueiredo Martins, Letizia, Leonor, Manuel, Michele e Anna. Santarèm 14-9-2012.

Filipe Martins
Visitante
Visitante

Sexo : Masculino Idade : 57
Emprego/lazer : motorista
Pontos : 2540
Data de inscrição : 17/09/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum